Mundo Equestre Particular #5

Porque SIIIIMMMM, a saga do Mundo Equestre Particular voltoooou! 
(A pedidos do Cacau, meu grande amigo e que segue a saga de perto, e porque meu cavalo voltou a ser teimoso bacarai!!!)
AEEEEE!!!

Eu fui criada acreditando que o mundo do cavalo era um mundo disney! Apesar de eu ser sido criada como uma princesa mais roots (like Valente), eu sempre acreditei naqueles filmes fofinhos de que o cavalo possuído ficava manso apenas ao receber e sentir o amor de sua tutora… 
E como diz Marido para mim: “Acorda, pudinzão*!”
Pois é, aprendo a duras penas, lendo muitos livros, vendo muitos vídeos e convivendo com meu cavalo que o mundo não é disney… o mundo é HARD!!! Que sempre que meu cavalo faz algo errado para a minha pessoa, a culpa é MINHA e não dele e que ele não tem a sagacidade e nem magia das fadas para sacar o que eu quero… 
Sorry but it’s true. 
O grande problema da minha díade equina deve-se ao fato de não decidirmos se castraremos ou não o meu cavalo, bem como sempre achamos ou melhor não achamos que o adestrador é experiente e racional o suficiente para domá-lo para montaria.

Pausa rápida: Meu cavalo é dócil, anda de cabresto, deixa fazer as patinhas (casquear), dar banho, porém nunca recebeu sela e não sou EU que vou montar primeiro, digamos que por motivos óbvios de eu querer manter meus dentes ou meus ossos intactos. Obrigada.

Então ficamos nessa lenga de treiná-lo para ele não redescobrir seu lado selvagem porém sem dar um passo além que é a montaria em si. 
Hoje eu especial ocorreu que ele me mordeu de novo. Sim, meus caros. Mas na verdade ele não vinha me mordendo há mto tempo, estávamos super nos entendendo, mas não tive a sagacidade de compreender o ambiente mais rápido e tomei a mordida. 
Por ter éguas no cio no piquete próximo, e um cavalo inteiro (não castrado) recém chegado e também próximo, meu cavalo estava enlouquecido nas trevas! E até que ele foi bonzinho porque me deixou colocar cabresto e arrumar sua crina, porém nada mais e quando tentei algum outro cuidado = “NHAC!!!!!! Sai daqui humada do carai!!!! Não me deixa dar umas bimbadinhas por ai e também não me castra!!!! Sua louca!! te odeio!!!” (Meu cavalo, 2015.)

Enfim, a culpa é minha né gente? Fica o esfolado na perna para eu me lembrar de:
A) Analisar o ambiente ANTES de fazer qq coisa.
B) Decidir DE UMA VEZ sobre a castração.
C) Arrumar O MAIS URGENTE POSSÍVEL um adestrador decente.
D) Descer do pé de alface, pq essa vida de Alice sonhado está me machucando literalmente.

*Pudinzão = Apelido irônico que marido me deu por motivos de: eu chorar até assistindo Sílvio Santos.  

Anúncios

Um comentário sobre “Mundo Equestre Particular #5

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s